21 de jun de 2011

Por momentos levitei. Confesso. Rendi-me à minha essência entusiasta e julguei, desta vez, ter pernas suficientes para te acompanhar.

Como sou tola, não é verdade?

Nenhum comentário: